O DIA DAS CRIANÇAS NO BODOCÃO, EM BALDIM.

O DIA DAS CRIANÇAS NO BODOCÃO, EM BALDIM.
ROGERIO DO BODOCÃO FAZ FESTA PARA AS CRIANÇAS DE BALDIM, COM BOLO, PRESENTES E MUITAS BRINCADEIRAS.

segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

ÚLTIMA REUNIÃO DA CÂMARA MUNICIPAL DE BALDIM


Bancada à espera de mudanças
_________________________________________________
NADA COMO ANTES NO QUARTEL DE ABRANTES
A última reunião de Vereadores da Câmara Municipal de Baldim, da atual Administração, começou quase solene, com discursos emocionados de despedidas dos Vereadores que não foram reeleitos, mas, infelizmente,  terminou de uma forma lamentável, pela falta de respeito a duas senhoras presentes, da parte de um Vereador, que eu não vou citar o nome aqui, em respeito à autoridade constituída que ele representa, se bem que nem ele mesmo se deu ao respeito.

Para evitar especulações sobre o assunto, esclareço que tudo começou com a pergunta dirigida ao Presidente Fernando sobre o procedimento da Câmara na votação do aumento dos salários do Prefeito e Vereadores. Em junho/2012, os Vereadores votaram os salários do Prefeito/R$12000,00, do Vice-prefeito/R$9000,00 e dos Vereadores/R$3500,00. Após o resultado das eleições, o que a lei não permite, eles assinaram a redução dos salários do Prefeito para R$9000,00, do Vice-prefeito para R$7000,00, mantendo o salário dos Vereadores em R$3.500,00.
__________________________________________________
COMENTÁRIOS - ( correções dos valores dos salários)


Anônimo - 02/01/2013 - 09:15:00
A postagem não saiu com as informações corretas.O salário anterior às eleições foi de prefeito: R$12.000,00, vice-prefeito: R$7.000,00, secretariado: R$3.000,00 e vereadores: R$3.500,00. Após as eleições, assinaram o novo subsídio, em dezembro com data retroativa, de 15 de junho, os seguintes salários: prefeito: R$9.000,00, vice: R$4.500,00, secretariado: R$2.000,00, permanecendo intacto somente dos vereadores: R$3.500,00 e apenas uma reunião mensal, pois entendem que não há assunto suficiente para que haja mais reuniões...E são esses salários que sofreram um reajuste exorbitante de 100%, enquanto quem realmente irá trabalhar ganhou um reajuste de aproximadamente 13% por 4 anos.Justo né!!!

Anônimo - 02/01/2013-  09:23:00


Esperamos que a atuação do novo presidente da câmara municipal de Baldim, assim como os vereadores eleitos faça juz ao pleito e à confiança do povo. Que não fique somente nas palavras bonitas...mas que nos honre com atitudes honestas, sem se venderem por interesses próprios. Que não continuem fazendo nada por debaixo dos panos...assinando documentos com datas retroativas, mas que sejam transparentes e honestos, porque o POVO irá acompanhar de perto e não aceitará mais esse tipo de atitude. E daqui há 4 anos demonstrará mais uma vez, nas urnas. HONREM A QUEM OS COLOCOU NO PODER: DEUS  (JUSTO JUIZ) E O POVO.

Ione Torres - 03/01/2013 - 04:38:00

Anônimo, obrigada pela correção dos valores dos salários, foram tantas as informações de dados, de fontes confiáveis ou não, que eu optei por divulgar o fato em si, que como abuso de poder e ilegalidade, já estava de bom tamanho, para conhecimento do povo. Acreditei que, mais dia menos dia, os valores dos salários seriam confirmados e foi o que aconteceu hoje. Difícil é entender que os vereadores (da gestão anterior) consideraram falta de assunto para 2 reuniões mensais, quando "assunto", no caso, significa "trabalho". "Legislar", é discutir soluções para resolver os problemas sociais do povo, e "Fiscalizar", se o Executivo está executando o que foi legislado. Agora, fácil de entender é que "Reunião da Câmara" não é considerado hora de trabalho e sim um "happy hour", na última sexta-feira do mês, no final do expediente, onde todos se encontram. O povo deverá estar lá também para conferir quem está fazendo o quê. Ione Torres, editora do Blog
______________________________________________


Antes que o Presidente da Câmara respondesse a pergunta, o citado Vereador entrou no questionamento, se dirigindo às duas senhoras de maneira grosseira, ficando muito claro a todos os presentes que a intenção dele era intimidá-las a desistir da pergunta. Resultado, ficamos sem a resposta da votação dos salários, mas acredito que o povo sabe as respostas, elas estão e  sempre estarão nas urnas. Este tipo de procedimento não está espantando  o povo das reuniões da Câmara, pelo contrário, está atraindo mais gente, que quer ver de perto o que acontece por lá.



Os novos Vereadores
_____________________________________________________
LIÇÃO DE CASA
A reunião contou com a presença dos vereadores eleitos, Marlene Silva, Clélia Reis, Marcos Venancio, Marquinhos mecânico, Igor,  o Vice-prefeito Alex e sua esposa Bernadete, a vice-diretora Andrea Silva, da EE José Ribeiro, Neide Reis, Carlinhos da pizza, o Rangel, a Rejane, a esposa do Vereador João do trailer e outros.

O Presidente Fernando Torres fez entrega das Apostilas do Regimento Interno da Câmara Municipal e da Lei Orgânica do Município de Baldim aos novos Vereadores. Quem se interessar sobre o assunto, pode acessar na Internet ou se dirigir à Secretaria da Câmara, assim como o Plano Diretor de Baldim.

Clélia Reis falou que, mesmo afastada da Câmara, seu trabalho social não foi interrompido na comunidade, ela vai continuar servindo ao povo que a elegeu novamente. A Marlene Silva agradeceu sua votação expressiva nas eleições e cumprimentou o Presidente Fernando por sua conduta  econômica com o dinheiro público.




Despedida do Vereador Arnaldo
__________________________________________________
 AGRADECIMENTOS, DESCULPAS E DESPEDIDAS
O Vereador Arnaldo, em sua  despedida, disse que este seria o seu último pronunciamento político, foi cumprimentado por todos os Vereadores por seus 32 anos como Vereador, em 5 mandatos consecutivos.  Ele recordou fatos que marcaram sua presença na politica, as melhorias que ele viu acontecer no município, a construção das torres da Igreja, a ponte do Córrego Grande, pelo Prefeito José Antonino, a chegada da Cemig na gestão do Iton Reis, a construção da Prefeitura e da Câmara Municipal.

O Vereador Xandão fez um discurso eloquente, agradeceu a todos, disse que mesmo fora da Câmara, vai continuar atuante e participante da vida política de Baldim. Xandão deixa a sensação de não ter terminado seu trabalho na Câmara, ainda tinha muita coisa pra fazer, lamentou que seus projetos de voltar a 2 reuniões mensais, de reuniões itinerantes, de gravar as reuniões e de hortas comunitárias nos lotes vagos, não tenham sido aprovados, mas todos os outros projetos compensaram seu trabalho. O tão esperado advogado da Prefeitura, Aurelio Nogueira, não apareceu, mandou dizer que todos os documentos estão em ordem e à disposição de todos para serem consultados.

O Vereador Moacir serralheiro agradeceu a todos e se desculpou também. Ele falou da necessidade da Câmara legislar sobre a coleta do lixo e entulho nas ruas e lotes vagos, de multas para os infratores, sugeriu descontos no IPTU, para os que mantem limpos e cercados seus lotes vagos, um serviço que envolve todas as  secretarias,  Meio Ambiente, Vigilancia Sanitária, Saúde e Educação.

O Vereador Marconi disse que o Vereador Arnaldo vai fazer falta na Câmara pela sua experiência. Falou de seus 3 mandatos de Vereador dedicados à Saúde, de onde é funcionário efetivo e presta um serviço social à população, e pediu desculpas pelas discussões, cujo objetivo sempre é acertar. O Vereador Joel disse que foi um aprendizado a convivência com o Vereador Arnaldo, que será lembrado na história da Administração Municipal de Baldim. O Vereador Lulu das paradas agradeceu ao povo que o elegeu e disse que vai tentar ser eleito de novo e agradeceu o  que aprendeu com o Vereador Arnaldo.



Plenário vazio, nunca mais
_________________________________________________
O POVO VAI À CÂMARA
Usaram ainda da palavra, a Neide Reis, agradecendo ao Xandão as palavras dirigidas a familia Reis e cobrando homenagens a baldinenses que trabalharam pelo município. O Carlinhos da pizza cumprimentou o Vereador Arnaldo por sua dedicação e disse que vai continuar acompanhando de perto as reuniões e participando, e que é muito importante a presença do povo na Câmara.

O Presidente da Câmara Fernando Torres, fez uma despedida emocionada agradecendo a todos e diz que sai satisfeito por ter cumprido seu mandato com dignidade. E eu completo, ele sai, mas deixa de herança para seu sucessor um comportamento exemplar de como dirigir uma mesa de discussões, como um competente Maestro regendo uma Orquestra, ás vezes desafinada, mas com uma boa apresentação. 

Ele comunicou que está devolvendo aos cofres da Prefeitura 160 mil reais, que sobraram do orçamento das despesas da Câmara e que foi autorizado pela Câmara o repasse de 5% do orçamento à Prefeitura para pagamento de salários. Sobre os salários dos Secretários, que ficou em torno de R$2000,00, o Presidente Fernando disse que,  por se tratar de cargo não eletivo, este valor poderá ser alterado pelo Prefeito, de conformidade com a lei.

No encerramento, o Presidente Fernando convidou a todos para se servirem de refrigerantes e salgadinhos, numa confraternização de fim de mandato e de final de ano, desejando Boas Festas a todos. 
Ione, editora do Blog

Ocorreu um erro neste gadget