FEIRA DE ARTESANATO, EM BALDIM.

FEIRA DE ARTESANATO, EM BALDIM.

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

GRUPO SABER VIVER


Video: Tarde Dançante da Terceira Idade
_____________________________________
ENCONTRO DE GRUPOS EM FUNILANDIA
O Grupo da Terceira Idade de Baldim, "Saber Viver",  foi até Funilandia para um Encontro com o Grupo "Raio de Sol", de Sete Lagoas e o Grupo das "Cantadeiras do Vitória" de Belo Horizonte. Foi um domingo divertido e descontraído com total integração dos Grupos. O Encontro foi no Pesque e Pague da D. Bete, lá foi servido um delicioso almoço de adesão, em ambiente aberto, com som ao vivo com o cantor Edmar, em seguida uma tarde dançante e a apresentação das "Cantadeiras do Vitória", que deram um show. Após o almoço aconteceu o Bingo, com vários brindes e brincadeiras. No final da tarde voltamos para Baldim, o onibus foi cedido pela Prefeitura e o motorista José Carlos Figueiredo foi muito atencioso com as "meninas". O comando da Marcia Drumond e da Marilene Figueiredo foi impecável. A mais divertida do passeio foi a Tita, ótima companheira de viagem. Pena que a Tia Teresa e a Aline não contaram suas piadas. Pra encerrar a Tia Teresa disse que no próximo passeio ela vai marcar a hora de voltar, ou seja, vamos passar a noite lá. Adoramos o passeio. Obrigada a todos.



Video: Encontro de Grupos em Funilandia
_________________________________________
PERFIL: MARCIA DRUMON  -  
Marcia Drumond Marques - Há alguns anos, Marcia chegou em Baldim e com seu jeito simples conquistou a todos. Marcia é fisioterapeuta formada pela UFMG, uma profissional de alto nível que vem fazendo um trabalho bonito de reabilitação das pessoas e melhoria da qualidade de vida. Marcia é casada com Otávio Marques, produtor rural e tem 2 filhos. Thaís é estudante de Agronomia, em Viçosa. Marcia é filha de Otávio Gonçalves dos Santos. Marcia cuida da família, trabalha no Posto de Saúde, tem uma Academia de Ginástica e ainda é participante ativa na Comunidade. Além de Ministra da Eucaristia, Marcia trabalha junto ao Grupo da Terceira Idade, Saber Viver, como coordenadora. Marcia é um exemplo de dedicação ao trabalho social voluntário na comunidade de Baldim.



 Encontro do Grupo Saber Viver
____________________________________________
NOITE DANÇANTE NO SÍTIO DA IONE
Aconteceu nesta segunda-feira, dia 21/03/2011, de 19:00h às 22:00h, no sítio da Ione, mais um Encontro do Grupo Saber Viver. A foto acima mostra apenas parte da turma, compareceram mais de 50 integrantes, foi uma noite dançante ao som e voz do Edson, com um repertório bem variado que agradou a todos. A alegria dessa turma é contagiante, vale destacar o show de dança da Vera e da Raimunda. O casal 20, como é chamado, a Aramita e seu maridão, sempre são o destaque. A turma agradece a gentileza do Zé Carlos, irmão da Marilene, que conduziu as meninas até o sitio, em um busão bem confortável. A Marilene nos prestigiou com a presença dos pais e do maridão Joaquim, a Marcia Drumond também nos deu o prazer de conhecer a filha Taís e o maridão Otávio.  Nossas boas vindas aos novos integrantes do Grupo Saber Viver, o Chico da Loja, a Jacinta e a Zenite. Compareceu também o casal padrinho do Grupo Saber Viver. O Padre Gislei, como sempre, dando o maior apoio aos eventos da Paróquia.  Foi uma noite divertida, como sempre, que se repetirá em abril. A dona da casa agradece a presença de todos. Ione, editora do Blog.


As Cantoras do Vitoria
_____________________________________________
A HISTÓRIA DAS CANTORAS DO VITORIA
Nancy Carneiro Barcelos trabalha como psicóloga na Escola Municipal Milton Lages, do Bairro Jardim Vitória, em Belo Horizonte.  Ela atendia um grupo de senhoras, alunas do EJA, com problemas de depressão, mulheres viúvas ou não que moravam sozinhas  e estavam com vários problemas de saúde. Como parte do tratamento, Nancy formou um grupo com estas senhoras e começou a cantar com elas. Os percursionistas Jean e seu avô, Seo Binha, fazem o acompanhamento do grupo.  O sucesso foi total. Hoje, elas estão bem de saúde e o Coral, com cerca de 40 vozes é conhecido como "As Cigarras Cantoras do Vitória", com uma agenda cheia de convites para apresentações. Nancy, a psicóloga, tornou-se a Regente e suas ex-pacientes formam um belo Coral de Vozes. O repertório das Cigarras Cantoras é bem versátil, elas cantam  diversos tipos de músicas. Elas são alegres, divertidas e comunicativas e estão sempre repetindo que o segredo delas é a alegria de viver e o lema é : "Quem canta seus males espanta.Ione, editora do blog





LEI DA ACESSIBILIDADE, O DIREITO DE IR E VIR
Um meio fio, uma barreira, uma escadaria um abismo intransponível.Isto faz uma diferença.!!!!!
 Aqui em nossa região, só há um local ( pelo menos que eu conheça) que se preocupou em adaptar suas dependências aos portadores de necessidade especiais; EE Oscar Artur Guimarães. O Colégio está dentro dos padrões internacionais -- e cumprindo as normas instituídas constitucionais e complementos,  e graças à sensibilidade de seu Diretor Prof, Zito. Por incrivel que parece tal sensibilidade, para não dizer descumprimento da Lei ,  não foi a mesma na Prefeitura, Camara
Municipal, Posto de Saúde São Vicente, Banco do Brasil, Casa Lotérica, Igrejas. Comércio em geral, residências, etc , etc. ( diga-se de passagem o acesso à entrada tem que ser pelas portas da frente (direitos iguais). E aí senhores responsáveis , vão atender aos ditames da lei, aos ditames do bom senso e outros ? Como cidadãos aguardamos resposta e concretização do aqui exposto. Geraldo Mariano-Acost-Jumsv.


CAMAS HOSPITALARES E CADEIRAS DE RODAS 
Empréstimo: Camas hospitalares e Cadeiras de Rodas - Gratuito 
 Um ser humano muito especial, chamado Aroldo Mendonça, integrante do Rotary Clube, formou um banco de leitos hospitalares e cadeiras de rodas e os empresta, sem cobrar nada, só pedindo em troca a sua devolução, quando não é mais necessário. Ele é um anjo da guarda para muita gente. Atualmente, o banco, conta com mais de 600 leitos espalhados por todo o Brasil, já que o Sr. Aroldo conserta e aceita doações das camas hospitalares e cadeiras de roda, mesmo quebradas, ele retira no local e leva para a sua oficina que é especializada nesse tipo de conserto. O frete dos empréstimos fica por conta da pessoa interessada que faz uma espécie de contrato com o Sr. Aroldo por seis meses, sendo renovável por mais tempo, mediante a necessidade do prolongamento do uso do equipamento. Passe para sua lista de contatos, de modo a chegar a quem precisa. Caso precise, ligue para o Sr. Aroldo Mendonça: Juliana Zamboni - Conceito Indústria de Alimentos Ltda (31)3718-1230                 
Baldim - MG
Ocorreu um erro neste gadget